Os deuses: Os 12 filhos de Gaya e Urano...





.....
Eros, espírito do amor universal, força Gaia a unir-se à Urano e com ele dá à luz aos doze primeiros filhos, seis homens e seis mulheres: os Titãs e as Titânias.
.....Eram forças com extrema violência que inicialmente povoaram o mundo e começaram a longa e penosa saga, como afirma Hesíodo em seus escritos.
.....Pelo poder alguns sobressaem, enquanto outros se destacam pelas tragédias.
.....Poderosa é Tênis, a justiça e a lei, o equilíbrio eterno do mundo. É Mnemósine, a memória universal, a lembrança conservada tanto nos monumentos quanto nas almas dos homens. É Tétis, a alma feminina do mar, que, unida a seu irmão, Titã de nome Oceano, gera três mil filhos, os rios do mundo. É Hipérion, o que viaja pelo alto, o fogo astral, esposo da Titânia Febe, pai de Hélios, o Sol, de Selene, a Lua e de Eos, a aurora. Trágico é Iápeto, que se unindo à Oceânida Clímene, gerou quatro filhos infortunados; Atlas o gigante condenado a carregar o mundo nos ombros, Menécio, que mais tarde ousaria guerrear contra Zeus, o senhor de todos os deuses, Prometeu que desafiaria o poder Olímpico e Pimeteu, que acompanharia o irmão em sua luta.
.....Também tem destino trágico Cronos, com uma profecia que o leva ao desespero com tantos afazeres que o futuro do mundo reservava-lhe. Como deus sublime do tempo a que tudo regula, tudo comenda, tinha a responsabilidade de sobrepor uma ordem nova a tudo no Universo. Evoluir com constância a natureza, alterando a base da vida, retirando seu próprio pai Urano, que estagnava a evolução das coisas.
.....Cronos teve uma conotação mítica insaciável, tendo como personificação o tempo, e, o tempo a devorar todos os seres, todos os momentos etc. Sem compaixão ou piedade e, principalmente, sem se prender ao que já se passou, mantem somente como supra importância a construção do futuro.
.....Só Mnemósine protesta contra Cronos, sendo vencida em todas as suas tentativas, continuando Cronos, sem qualquer medo, sua implacável trilha. Sempre que possível, Mnemósine preserva a lúcida matéria sobra a qual reina, a memória.
.....Com Réia, sua irmã Titânia, Cronos uni-se e faz nela uma grande quantidade de filhos. Mas os devora logo que nascem para que não corra o risco de algum deles lhe tomar o trono como dizia a profecia de Gaia. Apenas uma de suas criaturas escapou-lhe à voracidade. Zeus, escondido por Réia, cresce e o destrona com a ajuda de dois de seus irmãos, Hades e Poseidon contando ainda com o apoio dos Ciclopes, tornando-se então, o senhor do Olimpo.
 

.